30/09/2012

Estrogonofe à tailandesa de Claude Troisgros


Sempre quis tentar essa receita mas não tinha encontrado as cobaias necessárias hehehe. Ontem, recebemos a nobre visita do Franz e da Evi que aceitaram o desafio dessa experiência. A receita saiu (mais uma vez) do Que Marravilha! É um pouco exótica pra nós pois tem alguns ingredientes novos, mas também nada do outro mundo. E ficou bom... bah! Valeu a pena!

Ingredientes:

  • 200g de shitake fatiados
  • 300g de cogumelo de Paris cortados em quatro
  • 120g de capim-limão picado (só encontramos ele seco, tipo para chá, mas serviu bem)
  • 180g gengibre fatiado
  • 1 pimenta dedo-de-moça fatiada e sem as sementes
  • 5 dentes de alho fatiado
  • 50ml de molho de soja
  • 3 colheres (sopa) de molho de tomate
  • 400ml de leite de coco 
  • Sal (a gosto)
  • Açúcar (a gosto)
  • Coentro fresco picado para temperar (a gosto)
  • Manjericão
  • 1 Kg de alcatra em cubinhos
  • 2 cebolas roxas fatiadas
  • Pimenta-do-reino (a gosto)
  • Azeite extravirgem (a gosto)
  • Óleo comum
  • 200g de Bifum, que é uma massa oriental feita de arroz. Aliás, é o oposto do Risoni, que é um arroz feito de massa.
Receita:
  • Em uma panela grande com bastante água fervendo jogue os cogumelos e retire depois de 3 minutos e escorra. Ná água que ficou adicione o capim limão, o gengibre, o alho e a pimenta. Cozinhar por 20 minutos e coar, vamos usar só o caldo na receita. Continue fervendo o caldo e adicione o leite de coco e o molho de tomate e espere reduzir. Tire do fogo e tempere com açúcar, sal e o coentro.
  • Tempere a carne com sal e pimenta e dê uma fritada numa frigideira com azeite de oliva. Bem pouco tempo, só para dar uma tostada por fora. Tire a carne da frigideira e jogue a cebola pra dentro, deixa lá até suar bem. Adicione os cogumelos (lá do início), tempere com um pouco de sal e pimenta. Depois de murchar e dourar o suficiente derrame o molho da primeira etapa sobre os cogumelos.
  • Depois de reduzir, aguarde até ficar num ponto de estrogonofe. Adicione a carne e o manjericão.
  • Em uma outra frigideira, aqueça bem o óleo e frite rapidamente o bifum. A dica é a seguinte: tem que cuidar porque ele queima rapidamente, mas tem que deixar fritando um tempo suficiente pra deixar ele todo branquinho. Evitar ao máximo deixar partes transparentes, pois fica duro.
  • Monte num prato o bifum, derrame  o estrogonofe por cima e decore com manjericão. Tá feita a festa!
Resultado:
  • Tempo: 1 hora
  • Dificuldade: acho que foi uma das receitas mais complexas que já fizemos. Mas por conta dos ingredientes, o preparo não é tão complicado.
  • Sabor: são sabores diferentes, fortes, mas que agradaram bastante à todos que provaram.
  • Nota: 10, com louvor!

24/09/2012

Janta Gê e Udo

Oi! Como vai você? Mais um post na casa nova. Dessa vez uma janta especial para um casal gente fina: Gê e Udo! As receitas saíram do livro que a Mumu me deu de aniversário: The Family Meal: Home Cooking with Ferran Adria. Apesar de se tratar de receitas caseiras, o livro foi feito por nada mais nada menos que Ferran Adrià! Pra quem ainda não conhece ele só foi escolhido o melhor chef do mundo por várias vezes além de comandar o El Bulli, também considerado um dos melhores restaurantes do mundo. Pouca coisa comparado com a gente heheheh. Chega de papo! Vamos pra janta!

Tagliatelle carbonara

Ingredientes:

  • Bacon (240g) cortado em tirinhas ou cubinhos
  • Óleo de fritura
  • Creme de leite (400mL) usamos o normal com 25% de gordura, mas devia ser o fresco
  • Massa tipo Tagliatelle (400g)
  • 4 gemas de ovo
  • Parmesão ralado
  • Sal e pimenta
Receita:

  • frite o bacon em uma frigideira com azeite em fogo baixo por uns 10 minutos, depois acrescente 350ml do creme de leite e vá mexendo por uns 20 minutos. Depois disso tempere com sal e pimenta e desligue o fogo. No nosso caso, no final desse tempo foi necessário adicionar um pouco de leite pois o molho tinha engrossado muito (talvez pela falta do creme fresco).
  • Cozinhe a massa conforme a instrução do pacote. Nesse caso, uma panela com água e sal durante 7 minutos. Depois escorra a água e volte a massa pra panela.
  • Em um recipiente misture as gemas com o restante do creme de leite
  • Na panela da massa, ponha em fogo baixo e adicione aos poucos o creme com bacon, depois essa mistura de gemas com creme de leite. Finalize com parmesão ralado por cima.

Sanduíche de peixe com pimentão
Ingredientes:

  • Óleo de fritura
  • 4 filet de peixe limpo, usamos o Saint Peter
  • Pimentões verdes (3), escolham os mais finos
  • Farinha de trigo
  • 1 ovo
  • Pão caseiro, essa foi a mancada da receita. Não achei pão caseiro pra comprar então usamos o pão francês, que tem o mesmo tamanho do caseiro.
  • Maionese
Receita:

  • Em uma frigideira com óleo, frite os pimentões até ficarem macios e um pouco queimadinhos por fora. Espere esfriar um pouco, tempere com sal e corte em cubos, retirando as sementes. Ponha sobre papel toalha pra absorver a gordura.
  • Corte os peixes em tiras transversais, tempere com sal
  • Passe as tiras na farinha de trigo e depois no ovo
  • Frite os peixes no mesmo óleo onde fritou os pimentões até ficar dourado
  • Corte o pão em fatias e leve ao forno até dourar. Nesse caso foi um problema, pois não usamos o pão certo. Apesar de que visualmente até ficou bem parecido com o do livro
  • Depois é só montar uma fatia do pão com o peixe e o pimentão. 

Sobremesa de Manga


Ingredientes:
  • 2 mangas
  • 100g de chocolate branco
  • 250g de iogurte natural
  • Avelãs, castanhas ou algo semelhante, picadas
Receita:
  • Descasque as mangas e corte em cubos
  • Derreta o chocolate branco em banho maria. O livro diz para derreter usando apenas o vapor d'agua, sem deixar o recipiente do chocolate encostar na água. Não deu muito certo, então fizemos o banho maria tradicional.
  • Misturar o chocolate derretido ao iogurte aos poucos e ir mexendo. Deixar a mistura descansar por 1h em temperatura ambiente.
  • Derramar a mistura sobre os pedaços de manga, salpicando as castanhas por cima.

Resultado:

  • Tempo: uns 90 minutos no mínimo
  • Dificuldade: no geral é médio, nada demais
  • Sabor: a massa ficou bem boa e o peixe com o pimentão também, embora o pão não combinasse. A sobremesa se superou! Tem um bom impacto visual e agrada pela leveza.
  • Nota: 9 pra massa, 8,5 pro peixe e 10 pra manga

19/08/2012

Peito de frango crocante com creme de shitake, de Claude Troisgros


De volta... agora na casa nova: Apartamento de Pepê&Mumu. Inauguração da cozinha com os queridos amigões Alan e Carol. Eles não quiseram escolher uma receita então decidimos tentar uma nova. Pegamos essa do Que Marrrrrravilha e seguimos no detalhe. Podemos dizer que começamos a nova morada com o pé direito, pelo menos em termos de cozinha. Abrimos a noite com uma Flor de Alho pra já começar bem. Segue a receita!

Ingredientes do creme:
  • Manteiga
  • Azeite
  • 1 cebola grande picada
  • Quatro dentes de alho picado
  • 500g de shitake (a receita original pede 1Kg, mas achamos um exagero de quantidade e de preço)
  • Vinho branco (usamos o Etchart Privado)
  • 1 caixinha de creme de leite
  • Leite
  • Cebolinha
  • Sal, pimenta
Receita:
  • Frigideira grande, fogo médio, ponha uns 100g de manteiga e azeite de oliva pra não queimar. Jogue a cebola e o alho picados. Aguarde até ficar dourado (sem queimar) e logo em seguida ponha os shitakes em fatias.
  • Depois que o shitake der uma murchada ponha meia taça de vinho branco e aguarde reduzir.
  • Depois de secar o vinho, adicione o creme de leite e um pouco de leite junto e misture. O certo é usar o creme de leite fresco, mas como não tinha improvisamos com o creme de leite + leite.
  • Tempere com sal e pimenta pra ajustar o sabor.
  • O Claude deu uma dica muito boa pra saber quando o creme está pronto. Passe as costas de uma colher no creme, depois faça uma "faixa" no meio da colher com seu dedo e veja se o creme escorre por esse espaço. Se escorrer precisa de mais tempo no fogo, se não já está cremoso o suficiente.
  • Pra terminar adicione cebolinha picada, misture e sirva no prato (O frango vai em cima, como na foto)
Ingredientes do frango:
  • 4 filés de peito do frango sem pele
  • 3 ovos                                     
  • Farinha de trigo                                               
  • 8 fatias de pão de forma branco cortado em cubinhos              
  • azeite
  • Sal e pimenta
Receita:
  • Tempere os filés com sal e pimenta.
  • Passe o lado da pele (mais liso) na farinha de trigo, depois na mistura de ovos e depois nos cubinhos de pão. Isso vai criar uma camada de um dos lados do filé.
  • Leve para uma frigideira em fogo médio com azeite o filé com a camada de pão para baixo. Cuidado! Esse tempo de fritura é muito rápido, não se distraia. Após alguns segundos o pão já estará douradinho. Vire o filé e frite o lado sem pão durante alguns minutos só para passar ele.
  • Ponha esse filé frito em uma forma e repita o processo com os outros 3 filés.
  • Com os 4 filés na forma, leve ao forno 180º durante 20 minutos.
  • Retire do forno e coloque o filé sobre o creme de shitake.
  • Servimos com um pouco de arroz branco e uma saladinha.
Resultado:
  • Tempo: uns 90 minutos ou mais, pois tem muita preparação.
  • Dificuldade: médio, parece mais difícil do que é realmente.
  • Sabor: combina muito bem o creme de shitake com a crocância do filé.
  • Nota: 9,5

22/07/2012

Risoni de Carne e Cogumelos


Bah, fizemos essa janta para 12 pessoas. Foi para um pessoal bem bacana: Banda Dom Quixote e fãs. Fizemos o Risoni de um jeitinho diferente e ficou uma Marrrrrravilha!!! Lá vai a dica para quem vai cozinhar para tanta gente. Acompanhamentos: bons vinhos, inclusive o vinho super premium RAR da Miolo. E a entrada: torradinhas com Caponata (beringela, azeitona, cogumelo, pimentão e uva passa em azeite, vinagre e especiarias).

Ingredientes:
  • 3 pacotes de Massa Risoni Barilla (1,5kg)
  • 02 latas de tomates sem pele (La Campagnola)
  • 01 vidro (680 gramas) de molho de tomate (Passata Polpa Capellini)
  • 300 gramas Cogumelos Paris
  • Manjericão 
  • Manteiga
  • 1,800Kg de carne de alcatra com maminha
  • 02 cebolas grandes
  • 100 gramas de queijo ralado parmesão
  • Azeite, sal e pimenta

Receita:
  • Obs.: Usamos duas frigideiras para dar conta de tudo e fomos dividindo os ingredientes ente elas.
  • Coloque azeite e um pouco da manteiga na frigideira e em seguida coloque a cebola picadinha.
  • Aos poucos vá colocando a carne e temperando com sal e pimenta.
  • Depois coloque os cogumelos para agregar ao molho.
  • Após alguns minutinhos acrescente o tomate sem pele, deixe cozinhar um pouco e vá colocando o molho de tomate, adicione um pouco de água se necessário.
  • Enquanto isso: ferva a água para a massa e deixe-a cozinhar por mais ou menos 8 minutos (o restante do cozimento será junto ao molho). Escorra-a e acrescente ao molho. 
  • Para finalizar, continue mexendo o molho para incorporar a massa e acrescente manteiga, manjericão e queijo ralado.

Resultado:
  • Tempo: 1 hora
  • Dificuldade: Médio
  • Sabor: todos os ingredientes combinaram perfeitamente e ficaram com ótima consistência.
  • Nota: 10!!!

18/06/2012

Risoni de búfalo

De volta gurizada! O nome assusta mas a gente garante que é barbada. Fomos conhecer essa massa (sim, é uma massa) através de nossa queridíssima amiga Ana Lygeros, quem diria hehehe. Juntamos um pouco de criatividade, uma carne diferente e aí está: Risoni de búfalo. Para acompanhar umas Polar Bock, porque está frio e porque estava em promoção :)

Ingredientes:
  • 1 cebola média em cubinhos
  • 3 tomates sem pele em conserva
  • Risoni Barilla (olha a propaganda!) Número 26, 4 punhados
  • Molho de tomate ervas finas
  • 300 gramas de carne de búfalo em cubinhos
  • Azeite de oliva
  • Sal e pimenta

Receita:
  • Tempere a carne com sal e pimenta
  • Deite um fio de azeite na panela, acrescente a cebola e logo após a carne
  • Aos poucos vá colocando os tomates sem pele, o molho de tomate ervas finas (ou pode ser qualquer molho vermelho de sua preferência) e um pouco de água para não engrossar demais
  • Jogue a massa na panela e mexa por 11 minutos, se não ela gruda
  • Acerte no sal e na pimenta e sirva com queijo ralado por cima
Resultado:
  • Tempo: 30 minutos, no máximo
  • Dificuldade: bem fácil
  • Sabor: a gente adora a consistência desse tipo de massa, e combinada com um bom molho vermelho fica uma marrrrrrrrravilha!
  • Nota: 9,5



11/06/2012

Lagosta simples do Pepê

Olha que coisinha mais lindinha que eu achei :)  Não pessoal, não é bem uma receita. É mais uma experiência que tivemos com o trio Nilson-Mônica-Isaque (Imbituba/SC) e a convidada especial deles: a Lagosta!! Pesquisei algumas receitas e vídeos sobre o assunto e fiz minha primeira tentativa. O resultado foi bem interessante. A carne ficou com uma boa textura e um sabor bem intenso. Ficou curioso? Aí vai o relato!
Pega a lagosta do jeitinho que está na foto e coloca numa panela grande. Enche com água e uma porção de sal e taca no fogo alto por uns 30 minutos. Passado esse tempo ficou assim:
Daí vem a parte divertida! Pegue uma faca bem afiada, um cutelo ou um machado porque a casca é dura. Separe a cauda do corpo e corte a cauda no plano sagital. Separe a carne da casca e retire também a veia de fel, que é uma tripinha branca que passa bem no meio do bicho. Não vou dar mais detalhes pra não estragar a brincadeira, mas tentem tirar o máximo de carne da lagosta. Se ficar em dúvida se é comestível ou não, ponham fora! Lave um pouco a carne boa e frite com manteiga e alho. Simples assim. A foto não ficou bonita, mas garanto que estava bom. Até a próxima!

05/05/2012

Risoto de queijo brie com pimenta biquinho


Então tá, depois do Bacalhau estamos de volta com mais um risoto. Achamos essa receita no blog Sem Pressa que é de uma gaúcha de Porto Alegre, nossa conterrânea. Acho que já falamos desse vinho antes, mas não custa repetir: para usar na receita e apreciar durante a janta recomendamos o Etchart Privado. Mãos no risoto!

Ingredientes (2 pessoas):
  • 1 e 1/2 xícara de arroz arbóreo
  • 1/2 cebola roxa
  • 100ml de vinho branco
  • 1 dente de alho picado
  • 1 colher (chá) de açafrão da terra em pó
  • 125g de queijo brie em cubos
  • 3 colheres (sopa) de pimenta biquinho
  • 2  colheres (sopa) de manteiga
  • 1  colher (sopa) de azeite de oliva
  • Sal a gosto
  • 1 litro de caldo de legumes (tablete)
  • Folhas de manjericão
Receita
  • Coloque a manteiga e o azeite em uma panela e frite a cebola em fogo médio até ficar transparente
  • Junte o açafrão e o alho e frite mais um pouco, logo após junte o arroz e mexa sempre
  • 1 minuto depois junte o vinho e vá mexendo até reduzir
  • Daí começa a hidratação do arroz através do caldo, que deve ser adicionado aos poucos conforme for secando
  • Mais ou menos 10 minutos depois, adicione as pimentas, continue com a hidratação e mexa até chegar no ponto al dente do arroz
  • Desligue o fogo, uma pitada de sal (corrigir), o queijo brie, o manjericão e a manteiga (1 colher cheia)
  • Misture bem e tampe a panela durante 3 minutos
  • Sirva logo em seguida
  • A carne, no caso, foi apenas um filé de entrecot frito na manteiga e shoyo (no final) com um pouco da cebola roxa da receita
Resultado
  • Tempo: 30 minutos, sendo que a maior parte é preparação
  • Dificuldade: a mesma de qualquer risoto
  • Sabor: a grande diferença é o açafrão e a combinação entre o brie e as pimentas biquinho, vale a pena experimentar
  • Nota: 9



08/04/2012

Bacalhau confitado com batatas ao murro



Oi pessoal, vocês lembram da nossa receita Garoupa confitada com batatas ao murro? Pois então, nessa véspera de Páscoa (Sexta-feira Santa) nos incumbiram de fazer Bacalhau. E resolvemos compartilhar com vocês essa experiência. Fizemos do mesmo jeitinho da Garoupa, porém, dessa vez usamos um Bacalhau "dos bons" e bem caro (já viram a responsabilidade né???) e adicionamos a linguicinha (substituindo o chorizo espanhol) que não colocamos na primeira receita. Mas saiu tudo como o combinado. Passamos 3 horas na cozinha e na hora do almoço o pessoal não falava e não sobrou nada. Acreditamos que por essa reação a receita tenha ficado boa, hehehe. Ah, e na janta repetimos a dose, isto é, Bacalhau só ano que vem, hehe. Beijinhos!!!

Flor de Alho


Cá estamos novamente. E com uma receita surpreendente!!!! Achamos esta no site Panela de Barros. É prática e serve como uma entrada. Parece inacreditável comer o Alho dessa forma, mas essa receita é bem real e saborosa. Bom apetite!!!

Ingredientes
  • 1 cabeça de alho grande
  • Sal grosso a gosto
  • Azeite a gosto
  • 1 ramo de alecrim

Receita
  • Corte o topo da cabeça de alho de modo que o interior dos dentes fiquem aparente. (Não tire a casca do alho).
  • Regue bem a cabeça do alho com azeite. (Na parte que ficou aparente).
  • Tempere com sal grosso, alecrim fresco e mais um pouco de azeite.
  • Leve ao forno médio por 30 a 40 minutos.
  • Na metade do tempo retire do forno e regue com mais um pouco de azeite.
  • Passado o tempo, retire do forno e regue pela última vez com o azeite.

Resultado
  • Tempo: 40 minutos.
  • Dificuldade: é TRI fácil.
  • Sabor: leve, fica bem macio. Quanto mais sal grosso e alecrim melhor pra pegar bem o gostinho.
  • Nota: 10

17/02/2012

Camarão aos quatro queijos com palmito

Demorou um pouquinho mas estamos de volta! Ontem pegamos uma oferta de camarões e resolvemos tentar alguma coisa nova. Achamos essa receita na Cozinha Festeira (um de nossos blogs favoritos). A foto está estranha porque usei a webcam, minha câmera foi dar uma "voltinha" no Carnaval da Sapucaí e já volta. Bom, chega de papo!

Ingredientes
  • Camarão (dãh hehe), 1Kg, limpo e lavado com um pouco de limão e temperado com sal e pimenta
  • Azeite de oliva
  • 1 cebola média, picada
  • 1 litro de leite
  • 1 xícara de provolone ralado
  • 50g de parmesão ralado
  • 1/4 de xícara de gorgonzola, em cubinhos
  • 1 copo de requeijão
  • Roux (2 colheres de manteiga + 2 colheres de farinha de trigo, no fogo baixo até soltar um aroma de biscoito)
  • 1 vidro de palmito, cortado em rodelas
  • 1/3 de creme de leite fresco (usamos creme de leite normal)
Receita:
  • Refogue a cebola no azeite até ficar transparente, adicione o leite
  • Quando começar a ferver baixe o fogo e adicione os 4 queijos, mexendo pra dissolver
  • Com o queijo todo derretido acrescente o roux (serve para engrossar), mexa bem e deixe no fogo até fica numa consistência mais cremosa
  • Adicione o palmito, o creme de leite e o camarão
  • Sirva com arroz branco e batata palha
Resultado:
  • Tempo: demora um pouco para preparar os ingredientes e principalmente o cozimento por causa do leite, acho que no total deu uns 45min
  • Dificuldade: a princípio não tem nada de difícil nessa receita, mas nós pecamos na cremosidade. Não sei se precisaria de mais roux ou menos leite...
  • Sabor: apesar da cremosidade o sabor é realmente bom, o camarão combina com esse molho de queijos. Mas atenção! Não é uma receita muito leve, e talvez seja mais recomendada para o inverno (mesmo assim, a gente fez ela numa das noites mais quentes dos últimos 1000 anos aqui em Porto Alegre hehe)
  • Nota: tranquilamente vale um 9